Como Escolher Interface de Áudio para Home Studio?

Como Escolher Interface de Áudio para Home Studio?
Como Escolher Interface de Áudio para Home Studio?

Um dos equipamentos que devem estar na sua lista de compras para Home-Studio certamente deve ser uma interface de áudio!

Todo sinal de áudio que entra e/ou sai de seu software DAW passa pela interface de áudio. A importância deste equipamento para conseguir uma boa qualidade de áudio no seu home studio é inegável.

Quando usamos um microfone ou instrumento plugado direto na entrada line das placas de som onboard do computador, perdemos muita qualidade. As placas existentes nos computadores não foram pensadas e criadas para gravação.



Quando se tem uma interface de áudio, a qualidade sonora é infinitamente superior. Sem falar que essas interfaces tem softwares ASIO próprio, não precisa utilizar o Asio4all para fazer sua DAW reconhecer a interface.

Atualmente, existem dezenas de interface de áudio no mercado, várias marcas, vários tipo de conexão, variadas quantidades de entradas e saídas, então, uma pergunta que é muito recorrente é:

Qual a Melhor Interface de Áudio para Home Studio?

A pergunta é bem direta e espera-se uma resposta única, mas, ela não existe. Escolher qual é a melhor interface de áudio para home studio depende em grande parte do que você pretende conseguir gravar com ela.

Então, escolher qual a melhor interface de áudio para home studio é uma análise que cada um precisa fazer de acordo com suas necessidades. Vamos tentar esclarecer quais pontos você precisa se atentar para escolher a melhor interface de áudio para o seu home studio.

Vamos começar falando de marcas. São muitas empresas que produzem interfaces de áudio hoje em dia. Nem todas essas marcas trabalham no Brasil, então, a não ser que considere importar, quando começar a sua busca, as opções serão mais restritas falando em comprar no Brasil.

Veja as principais marcas de interface de áudio disponíveis atualmente:

Principais Marcas de Interface de Áudio:


  • Apogee
  • Arturia
  • Audient
  • Behringer
  • Focusrite
  • M-Audio
  • MOTU
  • Native Instruments
  • Presonus
  • RME
  • Steinberg
  • TASCAM
  • Universal Audio
  • ZOOM


Agora, com tantas opções de marcas e modelos, fica complicado saber qual a melhor interface de áudio para home studio. Vamos falar sobre alguns pontos que você deve considerar.

Quantos canais você vai precisar?

Pare e pense. Quantos canais você vai precisar em seu home studio? O que você pretende gravar em seu home studio?

Se pretende trabalhar com voz e violão, as vezes, gravar tracks de guitarra, baixo e teclado e ainda pretende produzir suas linhas de bateria usando algum plugin VSTi ou sample, uma interface de áudio simples, com dois canais de entrada vai lhe atender bem.

As interfaces costumam ter em sua descrição a quantidade de entradas (inputs) e saídas (outputs). Esses números podem vir separados por barra (I/O). Exemplo: Uma interface com 4 canais de entrada e 2 de saída virão descritas com 4/2.

Linha de Interfaces de Áudio da Focusrite - Diversas opções de tamanho.jpg
Linha de Interfaces de Áudio da Focusrite - Diversas opções de tamanho.jpg

Agora, se você pretende gravar vários instrumentos simultaneamente, pretende gravar uma bateria microfonada e afins, você precisará de uma interface de áudio com mais conexões. Existem opções de 6 e 8 entradas de áudio com preço acessível. Acredito que em um home studio, dificilmente você precisará de mais do que 8 canais ao mesmo tempo.

Também é preciso estar atento as conexões de saída de áudio. As interfaces mais básicas tem saídas para monitores em estéreo e saída de fone de ouvido. Se você precisar de mais do que isso, precisará investir um valor maior.

Algumas interfaces de áudio com mais recursos ainda contam com conexões MIDI, entradas e saídas digitais e S/PDIF I/O.


Tipo de conexão com computador:

Outro ponto que você precisa se atentar na hora de escolher a melhor interface de áudio para home studio é o tipo de conexão.

A grande maioria das interfaces de áudio para home studio contam com conexão com o computador via USB. Existem também interfaces de áudio com conexão Thunderbolt e outras com conexão Firewire.

Você precisa verificar qual tipo de conexão é suportada por seu computador para não ter problemas.

Compatibilidade com software DAW:

Também é importante confirmar se a interface de áudio é compatível com o software DAW que pretende usar. As interfaces de áudio comuns em home studios costumam ser compatíveis com a maioria das DAWs, mas, nunca é demais confirmar e garantir.

Algumas interfaces de áudio até vem com softwares DAWs grátis e licenças de plugins inclusas no pacote.

Preço e relação custo x benefício:

Como estamos no Brasil, sabemos que os preços de equipamentos para home studio não são nada animadores. É preciso pesquisar bastante para fazer uma escolha que realmente vale a pena.

Depois de saber sua real necessidade, pesquise por modelos que possam lhe atender e que sejam bem aceitos pelo mercado. Procure por opinião de outros usuários em fóruns e grupos ligados a produção musical. Faça uma avaliação do seu orçamento e alinhe sua escolha a sua realidade.

Agora que já levantamos os principais pontos que você precisa levar em consideração, vamos deixar quatro opções de interface de áudio de baixo custo que podem ser boas opções para serem sua primeira interface de áudio do home studio:

Quatro opções de interface de áudio boas e baratas:





Espero que esta matéria tenha ajudado, também deixarei abaixo sugestões de conteúdo para você.

Postar um comentário

0 Comentários